Muitas pessoas demonstram claramente que estão insatisfeitas com quem elas são. A evidência de que elas têm dificuldades para serem elas mesmas vem de muitas fontes. Nesse contexto, vamos considerar a magia da cirurgia plástica: espera-se que os cirurgiões reparem a autoestima das pessoas ao corrigir traços físicos com os quais elas estão infelizes. A cirurgia plástica é essencial para corrigir queimaduras graves ou condições críticas de saúde, mas, em muitos casos, ela é feita por pessoas que não gostam do que veem no espelho. Até aí, tudo bem. Cada um de nós tem o direito de buscar a sua satisfação ao se olhar no espelho. Porém, muitos fazem isso com a expectativa de que tudo vai mudar também por dentro e, então, vem a decepção ao perceberem que não é assim. Daí, elas recorrem a outra cirurgia plástica, e assim por diante.

Acredito que algo importante a ser considerado quando alguém descobre que está insatisfeito consigo mesmo é, primeiramente, procurar pontuar os reais motivos de tal insatisfação, o que de fato está a incomodar. Seriam marcas de sua personalidade que o arremete aos seus pais? Seriam lembranças de comentários negativos que ouviu na sua infância? Seja o que for, é preciso encarar essas insatisfações com maturidade e entender que as mudanças deverão ser processadas de dentro para fora, e não o contrário. Torna-se necessário, então, o poder da Palavra de Deus na vida da pessoa. Veja que não estou falando simplesmente de religião, até porque, muitas vezes, ela também só ajuda nas mudanças exteriores. A Palavra de Deus, sim, é que vai trazer um verdadeiro encontro do nosso eu com a gente mesmo, pois ela funciona como um espelho, tal como a bacia de bronze que ficava na entrada do Tabernáculo mencionado no Antigo Testamento. Aquela bacia, onde os israelitas lavavam as mãos, tinha também o propósito de fazer refletir a imagem da pessoa, enquanto ela se lavava, colocando-a numa condição de encontro consigo mesmo e, consequentemente, ao arrependimento de seus atos. É possível que você não esteja muito satisfeito com a cor do seu cabelo, ou com a sua sobrancelha, ou com o formato do seu nariz. Para tudo isso há um jeito de corrigir. Mas, quanto ao seu interior, só quem pode dar jeito é Jesus Cristo, o especialista em vida.

Quero te convidar a pensar e repensar em como está a tua vida, pois somente o Senhor Jesus pode consertar o que não está bom e te levar a uma condição totalmente diferente, pois foi Ele mesmo quem disse: “Eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância”. Portanto, é desejo de Deus que você tenha uma vida diferenciada, uma vida produtiva, cheia de realizações. Outro detalhe importante: não existe nada que você possa fazer para Ele te amar ainda mais, porém também não existe o que possa fazer para Ele te amar menos, considerando que o amor d’Ele por você é incondicional. Quem é você? Bem, antes de qualquer coisa eu lhe digo: “Você é um amado de Deus”.

Um forte abraço e até a próxima oportunidade, se Deus disser que sim.

pastor Luiz Antônio

compartilhar...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on TumblrEmail this to someone